Complementaridade nas diferenças: uma análise dos métodos funcionalista e hipotético-dedutivo