Deterrência

Apesar de deterrência ser literalmente impedimento, deterrência é o efeito psicológico em um dos atores, gerado pela ameaça de seu oponente, que resulta em uma decisão de não levar algum ato adiante. O estado que sofreu deterrência desiste, de forma
irracional, de empreender uma ação por medo de retaliação, ou racionalmente, por perceber que entrando em ação não alcançará com sucesso os objetivos planejados. Ou ainda, que os custos da ação serão altos demais para ele.

A ameaça de punir outro ator se tomar uma determinada ação negativa (especialmente atacar o próprio estado ou seus aliados). O termo tem um significado um pouco mais específico no contexto do equilíbrio nuclear entre as superpotências durante a Guerra Fria.